Estresse é mais uma das doenças que atingem humanos e animais, os cães muitas vezes desencadeiam comportamentos que demonstram que os cães estão sofrendo, e assim como em humanos o estresse causa muito incomodo nos cães.

Nesse artigo vamos explicar 10 sinais que seu cão pode estar dando de que está estressado, claro que uma ou outra situação pode ser comum do comportamento do seu cão, mas aliadas a outros comportamentos listados aqui pode claramente ser sintomas de estresse no cão.

cão

Lambedura e latidos excessivos

Cães que se lambem, principalmente as patas, ou latem em excesso, seja para os donos, barulhos, pessoas ou até sem motivo aparente, esses cães estão dando um sinal claro de estresse.

Fique atento, pois esse comportamento de lambedura em excesso podem desencadear uma dermatite, muito comum nas patas nesses casos é necessário procurar o veterinário e tratar a ferida e o estresse.

cão se lambendo

Aproveite para conferir nosso artigo sobre transtorno de dermatite por lambedura

Destruição

Cães destruidores não só possuem energia em excesso como estão entediados e estressados, o comportamento destrutivo é muito comum em cães estressados, eles roem móveis e objetos e destroem a casa trazendo um cenário de guerra para a casa do tutor.

A culpa não é dos cães, com tanta energia eles ficam impacientes e começam a buscar passa tempos, esse comportamento pode piorar cada vez mais se o tutor não tomar uma atitude e o estresse não for tratado.

cães destruidores

Movimentos repetitivos obsessivos

Esses movimentos repetitivos pelos quais o cão demonstra obsessão são chamados estereotipias, o cão realiza movimentos desnecessários como correr atrás do próprio rabo, se morder, seja a pata, o rabo, ou girar, claro que muitos cães fazem essas coisas como brincadeiras.

Mas se o cão não consegue parar, se passa horas realizando a mesma atividade, se demonstra estar confuso ou se age assim mesmo enquanto o dono o chama, então esse comportamento deve estar indicando estresse e o cão deve ser levado ao veterinário.

cão correndo atrás do rabo

Mudança de comportamento

Cães que eram tranquilos começam a demonstrar agressividade ou incomodo. Cães que costumavam ser carinhosos e felizes passam a demonstrar tristeza e se esconder, esse tipo de mudança de comportamento pode ser um sinal de estresse ou de outras doenças.

É importante ficar atento a essas mudanças e a qualquer alteração na rotina que possa ter causado isso, buscar um veterinário é a melhor forma de entender e tratar o que está incomodando o seu cãozinho.

cão estressado

Aproveite para conferir nosso artigo sobre como seu comportamento pode influenciar no comportamento do seu cão

Rigidez muscular

A rigidez muscular é comum em casos inclusive de estresse em humanos, no cão acontece quando ele está incomodado pelo estresse e começa a demonstrar rigidez na calda, patas e dorso, observando como se algo pudesse acontecer.

O cão parece atento nessas situações, mas pode estar confuso e amedrontado. É importante observar se ele indica outros sinais de estresse.

cão estressadp

Perda de pelo

Se o seu cão começou a apresentar perda de pelo em excesso então ele provavelmente já está apresentando outros sinais dessa lista, isso porque a perda de pelo já é um sinal crônico de estresse.

Fique atento a todos os sinais que seu cão pode estar dando, cães de pelo curto perdem mais pelo do que cães de pelo longo, mas se você notou que o cão está perdendo mais pelo é importante analisar outros sinais e buscar um veterinário com todas as informações que possuir.

cão soltando pelo

Aproveite para conferir também nosso artigo sobre como lidar com a perda de pelo dos cães

Agitação e falta de atenção

Assim como a destruição e geralmente cães destruidores também apresentam agitação e falta de atenção, esses sinais indicam que o cão está com energia acumulada e está ficando estressado devido a rotina inadequada para o nível de energia do cão.

Ofegar excessivo

Se o seu cão está ofegando em situações tranquilas então é importante ficar atento, isso porque os cães ofegam para expulsar calor do corpo e se ele está ofegando excessivamente sem necessidade ele pode estar tentando se livrar da tensão do estresse.

ofegante

Se o cãozinho emitir sons tristes, como de choro enquanto está ofegante é importante dar muito atenção ao cão, e tentar animá-lo, além de leva-lo ao veterinário, isso porque além de estressado o cão pode estar depressivo.

Reações descontroladas

Os cães precisam de algumas coisas para se tornar equilibrados, se o cão acredita por exemplo que o tutor não está sendo um bom líder ele pode tomar esse posto para ele e isso é extremamente estressante.

Pois o cão passa a principalmente se preocupar em proteger a matilha e por isso pode tomar atitudes descontroladas e reações exageradas em algumas situações, como atacar cães que se aproximem do seu tutor ou da casa.

cão latindo

Comportamento evasivo

Cães são animais extremamente sociáveis, isso está na genética deles, eles precisam de matilha e essa matilha é a família humana e os outros animais da casa. Claro que alguns cães estranham outros animais ou alguns humanos, isso é completamente comum, nós humanos também não gostamos de todo mundo.

Mas se o seu cão está demonstrando comportamento evasivo em relação a qualquer interação, até mesmo em relação a você, isso não é comum. Não quer dizer que o cão saudável vai querer estar no colo 24 horas por dia, mas se o cãozinho passar a se recusar a realizar atividades das quais gostava e tentar se isolar, isso pode ser estresse e até depressão.

triste

Solução

A melhor forma de resolver o problema de estresse do seu cão é identificando a causa do estresse do seu cão e acabar com a causa. Procurar o veterinário e um bom adestrador é uma ótima ideia para que o caso do seu cão seja avaliado isoladamente.


Fonte Oficial: http://webcachorros.com.br/10-sinais-que-seu-cao-esta-estressado/.