Ter cachorro é maravilhoso e com certeza vai encher sua vida e seus dias de amor e momentos incríveis, mas ter um cão não é só dar amor, é preciso responsabilidade, por isso nesse artigo você descobre 9 coisas que você precisa saber antes de levar um amiguinho peludo para casa.

cão e tutor

Cachorro não é presente

Por mais que sua família ame cães, ou que você ache que o filhotinho fofo que viu na pet shop será o presente perfeito para seu filho ou sua mãe, por exemplo, é preciso entender que cães são seres vivos, são uma grande responsabilidade e por isso não podem ser dados de surpresa para alguém, se quiser dar um cão converse antes com a pessoa.

Crianças não são tutores de cães

Por mais que você tenha pensado direitinho antes de levar um peludinho para seus filhos, que tenha conversado com os outros membros da família e que se tenha definido as regras sobre o novo integrante da casa, é preciso lembrar que crianças não são tutores de cães.

Criança e autista

Crianças não lideram cães, eles não as veem como líderes e sim como filhotes da matilha, elas não podem carregar essa responsabilidade, que é do adulto, ou seja, apenas maiores de idades podem ser donos de cães e são responsáveis pela saúde e integridade física e mental do bichinho.

Decidam quais serão as responsabilidades de cada um

Depois que todos os integrantes da casa estiverem de acordo com a chegada de um cãozinho, é preciso decidir quem fará o quê. Se a ideia foi sua e o resto da família aceitou com prazer a vinda de um cão, mas não quer ter trabalho, então será preciso que você faça tudo.

Aproveite para conferir nosso artigo sobre como organizar a rotina do seu cão

Você está pronto para dar banho, levar para passear todos os dias, limpar as sujeiras, estar atento a qualquer sinal de dor ou doença, levar seu cão ao veterinário, brincar com ele, adestrar e cuidar de muitas outras coisas?

cão tomando banho

Escolha o cão com cuidado

Não é só chegar e comprar um cão que achou bonitinho, cães braquicefálicos como buldogues, por exemplo, não tem resistência física para atividades físicas e podem morrer devido ao calor, se você é atleta e quer levar seu cão para correr essa não é uma boa opção.

Se você ama passar dias a fio no sofá vendo séries e resolve comprar um labrador, escolha errada. Labradores, Golden Retrievers, cães pastores, terriers e cães de caça tem altos níveis de energia e vão desenvolver problemas comportamentais se não fizerem atividades físicas de acordo com sua necessidade.

cão grande e um pequeno

Aproveite para conferir nosso artigo sobre como escolher entre macho ou fêmea

Avalie seu perfil e pesquise antes sobre as raças, procure conversar com tutores de raças que você tem interesse, isso pode ajudar. Os SRD, famosos vira-latas, costumam ter energia e tamanho moderado e podem ser a escolha perfeita para tutores de primeira viagem, os SRD são sempre uma ótima opção.

Tem espaço?

Se você tem bastante espaço em casa será ótimo, se mora em um apartamento pequeno será um pouco mais complicado, é possível ter cão de grande porte em apartamento? Sim, se você leva-lo para passear diariamente, tiver brinquedos interativos e puder fazer com que ele não fique entediado, sim.

cães grandes correndo

O indicado, no entanto, é que se tenha cães grandes em lugares maiores e quem mora em lugares menores opte por cães de pequeno ou médio porte.

O cão pode sim ficar no quintal desde que você tenha um espaço coberto e aconchegante para ele, onde ele possa se aquecer se fizer frio e seja uma casinha onde ele caiba em pé e possa girar, sem entrar água da chuva ou sem esquentar demais no verão.

Condições financeiras

Por mais que você possa ter um cão de forma mais econômica, optando por coisas mais acessíveis e se adaptando, é preciso lembrar que uma parte mensal da sua renda vai para o cãozinho, e não é só alimentação, brinquedos, roupinhas no caso de cidades muito frias e cães de pelo curto, guia, utensílios de casa, saquinhos para as fezes, tapete higiênico, vacinação, consultas, remédios anticarrapaticidas e contra vermes.

cão com veterinário

Aproveite para conferir nosso artigo com 6 dicas de como economizar e cuidar melhor do seu cão

Tudo isso e muito mais além dos imprevistos que podem surgir, se você precisar viajar, com quem ele vai ficar? Hotelzinho? É preciso pensar nisso tudo. Você tem condições financeiras de lidar com essas necessidades sem atrapalhar a vida que você leva? Analise isso antes de adquirir o cão.

É preciso tempo

Você tem tempo para passear todo dia com um cão? Dependo do cão pode ser necessário passeios de uma hora com corrida, saiba quanto tempo você pode disponibilizar para seu cão, tanto para os passeios como para brincar com ele, adestrar e dar a ele uma rotina saudável com alimentação, exercício e tudo que ele precisa dentro de horários definidos. Isso é muito importante para os cães.

cão passeando com a dona

Só amor não basta

Muita gente acha que só encher seu filhotinho de amor será o necessário para deixa-lo feliz, mas não é bem assim, sim, encher seu cão de amor é importante e provavelmente vai fazê-lo querer encher você de amor também, mas cães precisam de mais.

Por isso é preciso entender logo antes de adquirir o cão que você vai precisar aprender a adestra-lo, vai precisar ensinar e liderar seu cão, ou ele pode até te encher de lambidas, mas vai te puxar na rua, fazer xixi no lugar errado e deixar a casa parecendo uma zona de guerra, tudo o que você não quer.

cão lambendo dono

Aproveite para conferir nosso artigo sobre a importância do passeio para os cães

E para evitar tudo isso –ou consertar, para quem já tem um cão nessa situação- será preciso que você esteja disposto a lidar da forma correta com seu cão. Pois a culpa por esses comportamentos não é dele.

Seja paciente

Ter cachorro é um exercício de paciência e pode te fazer se tornar uma pessoa melhor, isso por que os cães muitas vezes não entendem o que queremos e fazem tudo ao contrário, ou por teimosia mesmo.

filhote sendo adestrado

Durante o processo de lidar com seu cão e ensinar a ele quais comportamentos são desejados, é importante entender que os bons resultados vão depender muito mais da sua paciência e persistência do que da vontade dele.

Para ensinar seu cão a passear sem puxar, por exemplo, o resultado que você deseja vai depender de semanas e até meses de paciência e persistência sua até que o comportamento correto se estabeleça na cabeça do seu cão, por isso se pergunte antes. Você tem paciência? Pode adquirir essa paciência? Vai depender de você.


Fonte Oficial: http://webcachorros.com.br/9-coisas-que-voce-precisa-saber-antes-de-ter-um-cao/.