Ave rara é encontrada em reserva natural em Porto Seguro (Foto: Reprodução / TV Bahia)

Uma família de aves raras de rapina fez moradia em uma Reserva Particular de Patrimônio Natural (RPPN) em Porto Seguro, no sul da Bahia.

Os gaviões-reais da Mata Atlântica foram encontrados em um ninho construído em uma árvore chamada Ibiruçu, de cerca de 40 metros de altura.

“Esses animais é quem garantem que a floresta está cumprindo seu papel de conservação. Essa é a grande sacada de encontrar um animal deste porte, é que esse ambiente está conseguindo realmente manter animais de topo de cadeia, ou seja, a floresta está saudável”, disse Virgínia Camargos, coordenadora RPPN.

Os gaviões-reais, que vivem em média 50 anos, são as maiores aves de rapina já vistas no Brasil. Eles ficam no topo da cadeia alimentar e chegam a ter 2 metros de envergadura. A mãe costuma buscar os alimentos para os filhotes até os dois anos.

Os pesquisadores acreditam a família que está no parque está alimentando um filhote que tem entre quatro e cinco meses de vida.

“Eu estava fazendo atividade de campo na reserva e na volta eu parei para descansar. Eu escutei a vocalização do filhote, aí direcionei e cheguei embaixo do ninho”, contou o monitor ambiental, Jailson Souza.

Fonte: G1

Leia mais em: https://www.anda.jor.br/2018/07/aves-raras-gavioes-reais-fazem-ninho-em-reserva-natural/.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Clube dos Animais.