“Aqui os animais podem crescer, interagir com outros animais e desfrutar de uma vida longa de conforto e cuidados” (Foto: Farm Sanctuary)

Recentemente, três bezerros a caminho do matadouro caíram de um caminhão em alta velocidade no estado da Pensilvânia, nos Estados Unidos. Os sobreviventes foram resgatados sem ferimentos muito graves, embora outros bezerros não tiveram a mesma sorte.

Quem realizou o primeiro socorro dos animais foi o abrigo ANNA, situado em Erie, que encaminhou os dois machos e uma fêmea para o hospital de animais da Universidade Cornell. Depois de receberem todos os cuidados necessários, eles foram enviados para o Farm Sanctuary em Watkins Glen, Nova York.

A direção do santuário celebrou a chegada dos novos moradores e lembrou que em vez dos pecuaristas tratá-los com compaixão, eles preferem enviá-los para o matadouro. “Enquanto a maioria das pessoas se opõe à crueldade da produção de carne de vitela, poucos percebem que essa indústria existe por causa da indústria de laticínios”, declarou a diretora do Farm Sanctuary, Susie Coston, à revista People.

Já no Brasil, é mais comum os machos serem simplesmente mortos após o nascimento. Segundo o Farm Sanctuary, os três bezerros já se tornaram embaixadores de milhões de bezerros que são mortos a cada ano. “Aqui os animais podem crescer, interagir com outros animais e desfrutar de uma vida longa de conforto e cuidados”, garante Susie.

Leia mais em: https://clubedosanimais.com.br/wp-content/uploads/2019/02/bezerros-a-caminho-do-matadouro-sofrem-acidente-e-ganham-a-oportunidade-de-viver-anda.br/2019/02/bezerros-a-caminho-do-matadouro-sofrem-acidente-e-ganham-a-oportunidade-de-viver/.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Clube dos Animais.