Foto: Humane Society International India

Era um dia típico de março na Humane Society International (HSI) na Índia, e todos os funcionários no abrigo estavam ocupados aquele dia. A certa altura, uma cachorrinha em situação de rua muito doente passou pela porta da ONG – e por algum motivo achou que parecia um lugar seguro para ficar por um tempo.

Ela decidiu dar uma olhada, então entrou silenciosamente, rapidamente encontrou um sofá, enrolou-se e foi direto dormir. Demorou um pouco antes que alguém notasse que ela estava lá, e com isso o quanto ela precisava da ajuda deles.

“Nós não teríamos notado ela, se não fosse pelo mau cheiro que a pobrezinha exalava”, disse Alokparna Sengupta, vice-diretor da HSI India, ao The Dodo. “Sua condição de pele era séria – ela tinha sarna e as orelhas estavam sangrando”.

Foto: Humane Society International India

Quando as pessoas no escritório finalmente notaram a pobre cachorrinha, mais tarde chamada de Fada, correram para dar a ela um pouco de comida e água, mas todo o movimento e comoção a assustaram e a cachorrinha rapidamente fugiu. Todos ficaram chateados porque não puderam ajudá-la – mas no dia seguinte, no mesmo horário, ela voltou e, dessa vez, os funcionários estavam preparados.

Assim que viram Fada toda enrolada em si mesma, escolhida e dormindo no sofá, eles fecharam a porta da frente para que ela não pudesse fugir novamente. Eles então imediatamente lhe deram um pouco de comida e água, e se prepararam para levá-la ao veterinário. Sua sarna era incrivelmente severa, e parecia que ela vinha sofrendo há vários meses. A cachorrinha mal tinha pelo em todo o corpo, além de um pequeno tufo em volta do pescoço. Apesar de estar com medo, ela obviamente sabia que precisava de ajuda, e de alguma forma sentiu que dentro daquele local havia pessoas que queriam desesperadamente ajudá-la.

Foto: Humane Society International India

“Quando fui buscá-la para levá-la ao médico, sua pele estava descascando”, disse Sengupta. “Mas ela era e é um anjo. Nenhuma queixa ou estresse. Eu acho que o destino a trouxe para o lugar certo e ela sabia disso”.

Fada foi levada ao veterinário e recebeu tratamento para a sarna imediatamente. Além da horrível condição de sua pele, ela felizmente não tinha nenhum outro problema, e estava em boa saúde. Depois de realizados testes sobre a infecção em sua pele, foi determinado que ela estava sofrendo há muito tempo e, no entanto, de alguma forma, ninguém jamais tentou ajudá-la antes.

Foto: Humane Society International India

“Ela provavelmente estava sofrendo há alguns meses e foi enxotada por causa de sua aparência doentia”, disse Sengupta.

Apesar de sua condição e toda a dor que ela sentia, Fada foi uma paciente perfeita, dócil e receptiva desde o início. Ela deixou todo mundo no abrigo tratar e cuidar dela, nunca reclamou ou resistiu nem um pouco. Ela parecia extremamente grata por finalmente encontrar pessoas que estavam dispostas a lhe dar amor e atenção.

Foto: Humane Society International India

“Ela tem sido um cão extremamente paciente e feliz”, disse Sengupta. “Depois do segundo dia no canil, ela imediatamente confiou nos voluntários e pacientemente tomou banho todas as semanas. Depois de sua recuperação, percebemos o quão feliz e amigável ela era. ”

Demorou seis meses para que Fada se recuperasse completamente. Depois de três meses no abrigo, ela já tinha uma família interessada em adotá-la, mas seus resgatantes queriam esperar até que ela estivesse completamente curada antes de mandá-la para casa. Ela foi tão doce e amorosa desde o começo, então todos no abrigo sabiam que ela faria muito bem a quem acabasse adotando-a, e agora que ela já está em seu novo lar, ela está absolutamente desabrochando.

Foto: Humane Society International India

Fada agora tem muito espaço para correr e brincar, e para as pessoas para a abraçarem e acariciarem quando ela quiser. Ela pode ter tido um começo difícil de vida, mas de alguma forma ela sabia exatamente onde procurar ajuda, e agora ela está vivendo a melhor vida possível, graças a seus salvadores.

Foto: Humane Society International India

Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


 

Leia mais em: https://www.anda.jor.br/2019/07/cachorrinha-exausta-e-doente-entra-sozinha-no-abrigo-e-adormece-na-sala-de-espera/#utm_source=rss&utm_medium=rss.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Clube dos Animais.