Oscar era um cãozinho abandonado até que seus dias tristes acabaram quando ele foi adotado por Joanne Lefson, uma sul-africana que é presença constante nas páginas das revistas locais. Além de ganhar um lar, Oscar se tornou o símbolo do movimento pró-adoção e teve a oportunidade de viajar o mundo.

A história do cachorro ganhou as páginas de jornais em muitos países. O vira-lata, como o projeto faz questão de ressaltar, viajou por 200 mil quilômetros e foi fotografado em alguns dos principais pontos turísticos do mundo, entre eles o Cristo Redentor, o Taj Mahal, a Muralha da China, a Torre Eiffel e muito mais.

A intenção de Joanne não era simplesmente levar o seu animal de estimação para conhecer lugares legais, mas sim utilizar a imagem de Oscar para incentivar as pessoas a adotarem pets. Para isso, além do espaço que o cão ganhou na mídia, a sul-africana também criou a Oscar’s Foundation, que dá suporte à adoção na África do Sul e em outros lugares do mundo.

A volta ao mundo de Oscar começou em 2009. Na ocasião, ele passou por 31 países e visitou centenas de animais que vivem em abrigos, sempre lembrando que os animais adotados podem oferecer muito carinho e deixar uma casa ainda mais feliz.

Infelizmente, após muitas viagens e muito trabalho para conscientizar pessoas em todo o mundo, o admirável cãozinho faleceu. Oscar foi vítima de um acidente de carro e morreu em janeiro deste ano, mas sua mensagem continua viva e a esperança é de que muitos cães em todo o mundo sejam adotados em consequência do trabalho realizado por Joanne e Oscar.

Confira acima a galeria de fotos das viagens do cão Oscar.

Fonte: Animal Planet

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Clube dos Animais.

DEIXE UMA RESPOSTA