Cães são animais famosos por sua lealdade e ela não se resume apenas aos seres humanos. Um vídeo recentemente publicado na internet, e que se tornou viral em pouco tempo na rede, comprova esta afirmação. Ele mostra o momento em que um cão em situação de rua se recusa a deixar o cadáver de seu companheiro no meio de uma estrada no centro da China.

Reprodução | The Daily Mail

Ambos os amigos atravessavam a rua da cidade de Shangqiu, quando um carro atropelou um deles. Com o coração partido, depois de cheirar e cutucar seu amigo, o filhote de cachorro se sentou e, em posição de guarda, passou a observar o corpo imóvel.

O vídeo original foi divulgado na última sexta-feira pelo portal People’s Daily, no site Weibo. É possível observar que os veículos que passavam no local reduziam a velocidade para evitar atropelar a dupla. Ambos os cães não usavam coleiras, o que se leva a crer que eles viviam na rua.

Entre os comentários feitos por usuários da rede, muitos deles amantes de animais, as pessoas se mostravam tristes com o incidente. “Coitadinho”, dizia um deles. “Que filhote de cachorro leal. Por que ninguém ajudou?”, observava outro, ao perceber que as pessoas apenas olhavam atentas para o coitado, mas nada faziam para alegra-lo ou tirá-lo da rua – onde corria perigo.

“O motorista que bateu no cachorro deveria ter enterrado o corpo”, comentou outra pessoa. “Se o motorista o feriu, ele deveria tê-lo levado a um veterinário. Isso não tem nada a ver com ser um amante dos animais ou não – apenas o respeito básico por todas as vidas”, completou.

Reprodução | The Daily Mail

Histórias como essa mostram que animais, muitas vezes, demonstram mais compaixão que seres humanos. Enquanto o motorista simplesmente abandonou o corpo do animal, nem mesmo parou para observar se ainda teria condições de leva-lo a um veterinário e salvar uma vida, seu colega ficou ao lado do corpo. “Às vezes os animais mostram mais devoção e compromisso do que os humanos”, finalizou muito bem um internauta.

Leia mais em: https://www.anda.jor.br/2018/08/caozinho-se-recusa-abandonar-cadaver-de-amigo-atropelado-em-estrada-na-china/.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Clube dos Animais.