Apesar de ser uma realidade já reconhecida legalmente em alguns países, a senciência animal ainda é ponto polêmico em alguns discursos daqueles menos habituados ao cotidiano no reino animal.

Este vídeo fascinante é um exemplo de não só de como os animais são capazes de sentir e amar, como também mostra o poder da amizade no reino animal. O cuidador do coelho mostrado na filmagem capturou imagens do animal cavando freneticamente a beira de um galpão.

Compreensivelmente, o espectador achou a situação um tanto confusa, pelo menos até que pudesse notar a pata de um gato estendendo-se por debaixo do galpão. A verdade é que o coelhinho estava em uma missão de libertação de seu melhor amigo!

É fascinante observar que o coelho não só demonstra compaixão, mas também age deliberadamente em favor de outro ser que está em necessidade.

Coelho cava sem parar abrindo espaço para libertar seu amigo gato | Foto: Daily Mail

Coelho cava sem parar abrindo espaço para libertar seu amigo gato | Foto: Daily Mail

O coelhinho continua a cavar até que seu amigo tivesse espaço suficiente para sair, e em pouco tempo eles estavam juntos novamente. O coelho parecia um pouco cansado, mas ficou claro o quão grato o gato estava, uma vez que ele permaneceu do lado do coelho durante o restante do vídeo.

Que cães e gatos estão disponíveis para adoção em abrigos em todo o mundo é de conhecimento público, porém existem também inúmeros coelhos a espera de um lar e uma família. Coelhinhos exigem tanto amor, carinho e atenção quanto gatos e cachorros.

Os amigos finalmente reunidos não largam um do outro | Foto: Daily Mail

Os amigos finalmente reunidos não largam um do outro | Foto: Daily Mail

É importante ressaltar, contudo, que adotar qualquer animal doméstico é um compromisso sério. Os animais devem ser tratados com o mesmo amor, respeito e cuidado que qualquer outro membro da família. Além disso, ter um animal doméstico pode ser dispendioso.

De comida saudável, contas de veterinário, camas, brinquedos até cuidados com higiene e muito mais, é importante certificar-se de que o tutor esteja apto e consciente da responsabilidade que envolve cuidar financeiramente e amorosamente de um animal, tanto no presente como no futuro. É um compromisso para a vida inteira.

Leia mais em: https://www.anda.jor.br/2018/10/coelho-nao-mede-esforcos-para-libertar-amigo-gato/.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Clube dos Animais.