Muitas são as campanhas de arrecadação de agasalho. A maioria para humanos. No entanto, uma grande loja do ramo animal resolveu inovar e criou uma campanha do agasalho para animais de ONGs. Mas há diversas outras formas de levar conforto para os pequenos neste inverno.

(Foto: Robb Sutton/Creative Commons)

Alimento

Com as baixas temperaturas, alguns animais buscam mais alimento para garantir a proteção extra de gordura. Essa é a única segurança para quem não tem uma casinha ou cobertorzinho quente para se enrolar.

Por isso, leve na bolsa ou no bolso do casaco um pouquinho de ração. Se vir um cão vagando ou mesmo encolhido em algum muro, deixe a alimentação para ele. Talvez ele não pegue enquanto você está olhando. Mas assim que você virar as costas, ele comerá.

Água

Em muitos estados brasileiros, inverno é sinônimo de falta de chuvas e secura. Por andar bastante atrás de alimento, os animais também sentem muita sede. Beber água em poças pode ser arriscado, devido às doenças ali existentes.

Um potinho simples com uma água fresquinha pode ser a salvação de um cachorro ou gato sedento. Se você sabe de algum local com animais errantes, leve um potinho de água e deixe lá para eles se hidratarem.

(Foto: Bennilover/Creative Commons)

Casinha

Sabe aquela casinha já comida, faltando um pouco de espuma? Pode não servir mais para o seu peludo. Mas pode salvar um animal do vento gelado. Não só os animais de rua, mas também animais em ONGs, de protetores ou lares temporários. Você pode ainda comprar uma casinha e fornecer a um cão ou gato que precise, ou até mesmo fabricar uma com métodos caseiros simples e baratos (clique aqui e aprenda a fazer casinhas para animais com bacias).

Muitas das instituições de proteção animal não têm condições de proporcionar abrigo e conforto para todos os animais. Assim, casinhas e caminhas novas ou usadas são muito bem-vindas.

E não pense que casinhas são só aquelas chiques. Caixas de papelão grandes e rígidas também podem se transformar em ótimos e lindos abrigos para cães e gatos. Acompanhados de cobertores, ficam ainda melhores.

Cobertores e roupinhas

Para se aquecer, os animais não precisam necessariamente de roupinhas. Um cobertor ou toalha ajudam demais. Isso não quer dizer que você não pode doar roupas. Mas não se detenha apenas a elas.

Se você é pró na arte da costura, fazer cachecóis ou mesmo roupinhas podem fazer a alegria calorosa de muitos animais. Qualquer tecido a mais já faz muita diferença.

Doar um cobertor que você não usa mais, mesmo os de tamanho casal ou queen, pode ser reutilizado e aquecer até quatro cães. Se você não tem nenhum para doar, pode comprar aqueles mais simples e oferecer para uma instituição, protetor ou mesmo pessoas em situação de rua – muitos deles, inclusive, tutelam animais.

Onde entregar a doação?

Todas as lojas da Cobasi, do RJ, SP, DF, PR e RS, têm uma caixa da “Campanha do Agasalho Pet”. São pontos de coleta para receber roupas, caminhas e cobertas para animais e tudo que for recolhido será doado para ONGs parceiras.

(Foto: dagnyg/Creative Commons)

De acordo com a gerente de marketing da empresa, Daniela Bochi, “esta campanha endossa a filosofia da Cobasi em apoiar a causa animal e as instituições que atuam diretamente nela, desde 1999 incentivamos as adoções com a criação do centro de adoções na Cobasi Villa Lobos, em São Paulo, e nos últimos três anos ampliamos as parcerias com as ONGs e transformamos muitas unidades Cobasi, aos finais de semana, em centros de adoções, com muitos eventos e ajudando mais de 25.000 animais a encontrarem um lar. Além disso, nas nossas campanhas de aniversário em 2016 e 2017 optamos por volta-la para ajudar as instituições na arrecadação de ração”. Daniela complementa que “a Campanha do Agasalho Pet vem para ampliar esse apoio às instituições parceiras para ajudar a proteger os animais nesse inverno, que promete ter semanas bem frias”.

É a primeira vez que um varejo de produtos para animais organiza uma campanha de arrecadação sazonal para animais carentes contemplando diferentes regiões do Brasil. Com o lema “A sua doação vai aquecer os animais carentes nesse inverno”, a Cobasi espera ajudar muitos animais das suas 25 instituições parceiras. A campanha encerra no dia 31 de julho.

Além destes pontos de coleta, também há outras pets shops que também são pontos de coletas para ONGs. Outra opção é buscar as entidades, protetores ou lares temporários diretamente. Ou, então, ofertar comida, água, casinha e/ou cobertor diretamente para pessoas em situação de rua e animais abandonados.

Oportunidade é o que não falta para ajudar a aquecer um coração peludo.

Fonte: Blog Comportamento Animal – Estadão

Leia mais em: https://www.anda.jor.br/2018/07/inverno-como-ajudar-os-animais-necessitados-em-dias-frios/.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Clube dos Animais.