Uma das maiores companhias aéreas do mundo, a American Airlines, anunciou que deixará de utilizar canudos e agitadores plásticos em todos os seus aviões e lounges. A empresa pretende eliminar os itens de uso único de forma gradual.

Foto: Reprodução

A primeira mudança ocorrerá ainda este mês nos lounges de passageiros frequentes da companhia, onde canudos de plástico serão substituídos por canudos biodegradáveis ​​e ecologicamente corretos. Em seguida, os agitadores de plástico, que têm uma vida útil de apenas alguns segundos antes de serem descartados, serão substituídos por agitadores de madeira.

“Estamos muito entusiasmados e orgulhosos em compartilhar essa iniciativa com nossos membros e clientes”, disse a vice-presidente de serviço de voo da American Airlines, Jill Surdek, em um comunicado. “Estamos cientes do nosso impacto no meio ambiente e continuamos comprometidos em fazer a nossa parte para tornar o planeta mais sustentável para as futuras gerações de viajantes.”

As mudanças na aeronave ocorrerão apenas em novembro, quando todos os utensílios de plástico serão substituídos por objetos biodegradáveis.

Segundo a empresa, essas medidas reduzirão seus gastos com plástico em £ 71.000 (R$ 360.000) por ano. A decisão focada em sustentabilidade, não é a primeira da companhia. Em 2015 a American Airlines substituiu copos de espuma de plástico por copos de papel biodegradáveis em todos os seus voos. A empresa também foi a primeira companhia aérea a operar um programa de reciclagem a bordo.

Esforços globais

De acordo com dados recentes, 89% dos resíduos plásticos no oceano são compostos por itens de uso único. A crescente preocupação com esse fato está levando celebridades, consumidores e políticos a realizarem todas as mudanças possíveis.

Medidas para diminuir os lixos plásticos de uso único estão sendo tomadas pelo parlamento britânico (Foto: Pixabay)

Plásticos de uso único são os maiores poluidores dos oceanos. (Foto: Pixabay)

Recentemente, a maior rede de café do mundo, a Starbucks, anunciou que abandonará completamente o uso de canudo plástico.

A Inglaterra também anunciou a proibição de canudinhos de plástico em fevereiro deste ano. “Para a maioria de nós, eles [plásticos de uso único] são apenas uma conveniência; para os animais selvagens, eles são assassinos ”, escreveu o secretário de Meio Ambiente do Reino Unido, Michael Gove, no início do ano.

Nos Estados Unidos, Washington DC poderá ser segunda grande cidade, depois de Seattle, a proibir canudos de plástico.

O membro do conselho da capital dos Estados Unidos, Jack Evans, apresentou um projeto de lei no dia 10 de julho que propõe a proibição de canudos e agitadores de plástico na cidade. O projeto de lei proibiria os varejistas de fornecer canudos de plástico com as bebidas que vendem, e terá uma audiência pública entre setembro e novembro para ser analisado.

Leia mais em: https://www.anda.jor.br/2018/07/companhia-aerea-canudos-plasticos/.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Clube dos Animais.