Após defender os direitos dos animais, Moon Jae-in adotou e laureou o cão como ‘primeiro-cachorro’

Durante a sua campanha presidencial, o atual presidente da Coréia do Sul, Moon Jae-in, teve como uma de suas pautas de destaque os direitos dos animais.

Além de falar da necessidade de mais espaços de lazer para animais de estimação, como parques, Moon Jae-in defendeu campanhas para conscientizar sobre a importância da adoção de animais e a construção de instalações para que animais de rua pudessem se alimentar.

Na última quarta-feira (26), o líder político da Coréia do Sul virou notícia não só por adotar um cãozinho vira lata, de quatro anos, chamado Tory, como também por lhe dar o título de primeiro-cão do país.

O cachorro estava no abrigo há cerca de dois anos, após ser resgatado de uma fazenda de carne canina. Ele não havia sido adotado até então pois no país há um forte preconceito com animais de pelagem escura. Tory agora irá viver junto com os outros dois animais de estimação de Moon Jae-in: um outro cãozinho chamado Maru e um gato que também foi adotado de um abrigo chamado Jjing-jjing.

Com informações de BBC

Fonte Oficial: https://www.clubeparacachorros.com.br/noticias/conheca-tory-o-primeiro-cao-presidencial-da-coreia-do-sul/.