Confira abaixo algumas dicas:

1. Proteja seu animal periodicamente com produtos específicos contra pulgas, carrapatos e mosquitos, evitando assim a disseminação de diversas doenças;

2. Mantenha seu animal livre de vermes intestinais, vermifugando-o com freqüência;

3. Esteja sempre atento às datas de vacinação do seu animal, que devem ser anuais;

4. Evite passeios e contato com outros animais enquanto seu animal ainda for filhote e estiver com a vacinação incompleta;

5. Ofereça sempre ração de boa qualidade e água fresca ao seu animal;

6. Previna a obesidade com dieta equilibrada e exercícios regulares;

7. Evite passeios em horários de calor intenso, e mantenha seu animal sempre de coleira com identificação e guia. Recolhe sempre as fezes do seu animal em locais públicos, controlando a disseminação de vermes intestinais.

8. Não deixe seu animal ter contato com areia da praia, água do mar, gramados e arbustos em locais públicos, evitando que o mesmo tenha contato com pulgas e carrapatos, desenvolva vermes intestinais ou tenha problemas de pele;

9. Leve seu animal em consultas veterinárias regulares, e evite medicá-lo sem avaliação e orientação de um médico veterinário. É melhor prevenir ou diagnosticar corretamente doenças no início, do que tratar o animal quando este já se encontra debilitado.

10. Previna o acúmulo de tártaro com produtos específicos para a saúde bucal do seu animal.

11. Não permita que seu animal viva solto nas ruas e cruze indiscriminadamente, evite que mais animais de rua sejam gerados. Castre machos e fêmeas, essa é a única medida definitiva no controle da procriação e sem contra-indicações, além de prevenir algumas doenças;

12. Antes de adquirir um animal, considere que a maioria deles vivem mais de 10 anos, avalie se tem recursos suficientes para criá-lo de maneira saudável, num ambiente adequado, cercado por pessoas que lhe dêem atenção e carinho, e se será possível arcar com as despesas veterinárias que se tornarem necessárias ao longo da vida do animal;

13. Informe-se sobre as características específicas da raça escolhida, que tamanho atingem, qual o tempo médio de vida, se necessitam de cuidados especiais e que doenças estão mais propensos a desenvolver.

Fonte: Pet Center Marginal

Comentários