De acordo com uma nova análise, as dietas veganas podem melhorar significativamente a saúde psicológica, a qualidade de vida e doenças como a diabetes.

O estudo foi publicado na revista BMJ Open Diabetes Research and Care. Ele descobriu que dietas à base de vegetais com baixo teor de gordura podem ajudar no controle da diabetes e da obesidade.

A iniciativa realizada por pesquisadores da Universidade de Londres, da Universidade de Northampton e do East Sussex NHS Healthcare Trust foi feita com base na revisão de 11 estudos conduzidos entre 1999 e 2017, com 433 participantes.

Depois de revisar os dados, os pesquisadores chegaram à conclusão de que uma dieta livre de animais, com baixo teor de gordura e combinada com “intervenções educacionais” pode “melhorar significativamente o bem-estar psicológico e a qualidade de vida geral”.

Uma dieta vegana com baixo teor de gordura pode promover melhorias na saúde mental e física, e em doenças sérias como a diabetes (Foto: Plant Based News)

Os benefícios da dieta incluíam o controle do açúcar no sangue, perda de peso e reduções nos níveis de colesterol.

“O que aprendemos é que dietas veganas ou com baixo teor de gordura, juntamente com sessões de educação semanais, são eficazes em proporcionar mais perda de peso, que leva à melhorias da diabetes e complicações relacionadas ao peso” afirma Dr. Katarina Kos, Professor Sênior em Diabetes e Obesidade na Universidade de Exeter.

Segundo os autores, existem 4,5 milhões de pessoas com diabetes no Reino Unido. Destas, cerca de nove em cada 10 têm diabetes tipo 2, que está ligada a fatores de estilo de vida, incluindo a obesidade.

“O sucesso dessa dieta em pessoas com diabetes provavelmente se deve ao fato de que uma dieta vegana tende a ser baixa em calorias e algumas são especificamente pobres em gordura – uma dieta não-vegana de baixo teor calórico pode funcionar tão bem quanto efeito”, completa Kos.

Leia mais em: https://www.anda.jor.br/2018/11/dieta-vegana-melhora-saude-psicologica-e-quadros-de-diabetes/.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Clube dos Animais.