Foto: Geert Weggen/SWNS.com

Um esquilo foi filmado descobrindo, divertindo-se e aparentemente entrando no espírito do Dia das Bruxas enquanto brincava com uma abóbora esculpida para a ocasião, na Suécia.

O fotógrafo Geert Weggen ganhou a confiança do esquilo-vermelho (Sciurus vulgaris), também conhecido como esquilo-vermelho-eurasiático alimentando-o regularmente.

Sua paciência foi recompensada quando o esquilo curioso subiu em uma árvore e pulou sobre uma cerca viva para ver mais de perto uma minúscula abóbora escavada, que o fotógrafo havia pendurado em um galho.

Em fotos e imagens capturadas por Weggen, o roedor fica suspenso em duas pernas e espia dentro da abóbora, que foi esculpida com um rosto característico de Halloween.

O quadro cômico resultante da brincadeira do animal, faz parecer que o esquilo está usando uma fantasia característica de Dia das Bruxas.

Momentos depois, o roedor descansa sob a abóbora e recebe um pequeno petisco da mão do fotógrafo.

Segurando a noz na boca, o animal se afasta e mastiga o alimento, segurando a refeição com suas minúsculas patas.

O premiado fotógrafo de vida selvagem Weggen visitou o parque no centro da Suécia de 23 a 26 de outubro para capturar imagens sobre o tema de Halloween.

Em outras imagens, um segundo esquilo se junta e os dois têm um cabo de guerra sobre a abóbora.

Weggen disse: “Na maioria das vezes, os esquilos são considerados bons, gentis e amorosos. Mas eles também podem ficar um pouco bravos. Eles podem ser muito agressivos”.

Foto: Geert Weggen/SWNS.com

“O Halloween ou Dia das Bruxas é uma época assustadora para algumas pessoas, então achei divertido mostrar um pouco do lado mais cômico dos esquilos”.

Ele conta que os animais às vezes o mordem, mas ele nunca sangra – e desde que comprou uma propriedade nas montanhas do centro da Suécia, ele se tornou cada vez melhor em capturar os animais em atividades pitorescas.

Ele acredita que filmou cerca de três gerações dos animais na floresta em sete anos.

Foto: Geert Weggen/SWNS.com

E como os esquilos selvagens “fazem exatamente o que querem”, ele pode esperar “muito tempo” pela imagem perfeita.

“Algumas pessoas até acham que minhas fotos são montagens ou que os esquilos estão empalhados”, diz o fotógrafo. “Quase todas as fotos que tiro contam uma história. Assim como no Halloween, posso imaginá-los como esqueletos dançantes”.

Ele descreve seu estilo como “único, bonito e muitas vezes extravagante” em seu site.

O fotógrafo disse à Lonely Planet que os animais são o assunto perfeito para criar “mundos de fantasia”.

Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


 

Leia mais em: https://www.anda.jor.br/2019/10/esquilo-descobre-abobora-de-dia-das-bruxas-e-se-diverte-com-o-enfeite/.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Clube dos Animais.