Dois filhotes de organgotangos, de crocodilos e aves raras estão entre os mais de 400 animais resgatados de um barco na costa da Malásia. As autoridades do país disseram, nesta segunda-feira, que os animais estavam sendo contrabandeados da vizinha Indonésia.

Três supostos traficantes indonésios foram presos após autoridades alfandegárias frustrarem a tentativa de transportar os animais para a Tailândia, numa operação realizada na sexta-feira, na ilha de Langkawi.

Gaiolas com animais selvagens apreendidas na embarcação
Gaiolas com animais selvagens apreendidas na embarcação Foto: SOCIAL MEDIA / REUTERS

A carga da embarcação incluía dois orangotangos de “aparência assustada” e dezenas de crocodilos de água salgada, disse Mohamad Zaki Rahim, autoridade pela preservação de animais selvagens da Malásia.

Havia também cerca de 350 petauros do açúcar, um tipo de pequeno marsupial voador, cacatuas, papagaios e periquitos encontrados em caixas a bordo, disse Rahim, acrescentando que os contrabandistas pretendiam vender todos os animais como animais de estimação.

Oficial da Malásia segura orangotando resgatado no colo
Oficial da Malásia segura orangotando resgatado no colo Foto: SOCIAL MEDIA / REUTERS

Os contrabandistas queriam transportar os animais sob a cobertura da escuridão em um navio de carga da vasta ilha indonésia de Sumatra, através do Estreito de Malaca até a Tailândia, disse o chefe da alfândega T Subromaniam ao jornal Star. Porém, os oficiais da alfândega da Malásia receberam informações sobre o barco e o interceptaram, disse Subromaniam.

Os indonésios presos, que estavam no navio quando foi parado, devem ser acusados ​​no tribunal por infringirem as leis de vida selvagem e podem pegar até 10 anos de prisão, disse Mohamad Zaki.

Os dois filhotes de orangotangos resgatados abraçados
Os dois filhotes de orangotangos resgatados abraçados Foto: SOCIAL MEDIA / REUTERS

Elizabeth John, porta-voz da Watchdog, responsável pelo comércio de animais selvagens, disse que o número e a variedade de animais apreendidos mostraram “quão tremenda é a pressão sobre a vida selvagem devido à demanda por animais de estimação”.

Autoridades na Malásia, um país tropical do sudeste asiático que abriga muitas espécies raras, regularmente frustram as tentativas de contrabando, mas encontrar 400 animais ao mesmo tempo é incomum.

Em junho de 2017, as autoridades tailandesas prenderam um malaio tentando contrabandear dois orangotangos jovens e outros 60 animais em um táxi pela fronteira sul do país.

Fonte: Extra.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Clube dos Animais.