Um homem de 32 anos, cuja identidade não foi revelada, foi multado em 200 dólares australianos (cerca de R$ 565) por ter forçado um quokka, um marsupial encontrado na Austrália que é conhecido por parecer estar sempre sorrindo, a tomar Piña Colada. Ele transmitiu a cena ao vivo no Instagram e marcou a localização, de forma que aparecesse nos stories de Rottnest Island. As imagens geraram revolta entre internautas.

(Foto: Reprodução / Extra)

O homem, que depois da polêmica foi expulso da ilha, usou uma garrafa de dois litros de piña colada para que o pequeno animal fosse forçado a ingerir o conteúdo. Na frente da imagem, ele escreveu: “cuidando dos nossos amigos”.

O internauta Andrew Turner replicou o vídeo para que a pessoa que o gravou respondesse pela atitude prejudicial ao quokka, segundo o “The Sydney Morning Herald”.

“Nós somos muito protetores da nossa fauna nativa”, disse. “Eles são muitos frágeis e não gostamos de vê-los sendo machucados de forma alguma”.

Para Amanda Swift, inspetora-chefe da RSPCA WA, uma organização sem fins lucrativos de proteção aos animais em Perth, na Austrália Ocidental, as pessoas precisam parar de achar que vídeos como esse são engraçados. Ela frisou que a ONG está cansada de ver ações cruéis sendo publicadas nas redes sociais como “piadas”.

“Alimentá-los com algo diferente de sua dieta natural pode ser extremamente prejudicial, e o álcool pode potencialmente matar um animal tão pequeno quanto este. O que nos preocupa é que as pessoas fazem isso e publicam em redes sociais pensando que é engraçado, quando na verdade é uma crueldade intencional que pode ter efeitos graves ou fatais no animal. Isso não é motivo de riso. Precisamos acabar com isso.”

Fonte: Extra

Leia mais em: https://www.anda.jor.br/2018/06/homem-e-multado-apos-forcar-marsupial-tomar-bebida-alcoolica/.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Clube dos Animais.