Muita gente costuma levar os animais para as viagens de fim de ano. No caso do paulistano Guilherme Senna, de 29 anos, não foi diferente. Ele decidiu viajar com Sedento, seu cãozinho, e não pensou duas vezes ao comprar uma passagem de ônibus para o animal.

Foto: Facebook | Reprodução

O viajante publicou uma foto da ocasião em seu Facebook e a história viralizou. Para conseguir levar seu companheiro, que adotou há dois meses, até o litoral do Paraná, Guilherme pagou R$ 132,28 por cada passagem.

Na publicação, o artesão escreveu: “Se seu cão não merece o mesmo conforto que você, então você não merece ter um cão”. Junto com uma foto dele e Sedento, Guilherme compartilhou a foto da passagem comprada.

O mais curioso é que, no campo onde, supostamente, deveria ser escrito o nome do passageiro, foi escrito “cachorro”. Na foto postada, ele e o cãozinho curtiam os bancos do veículo e Sedento parecia estar bem à vontade.

Guilherme contou, no entanto, que apenas retirou o cachorro da caixa própria para viagens para tirar a foto. Nesse tipo de transporte, é necessário levar os animais em caixas adaptadas.

Nos comentários de uma foto, o tutor de Sedento respondeu à uma seguidora que o animal “é meu companheiro de viagem. Não largo para nada, anda comigo, dorme comigo, come comigo, em todas as horas, em todos momentos”. E ainda completou: “Eu que fui adotado por ele, não somos nós que escolhemos eles, são eles que nos escolhem.”

Fonte: Claudia

Leia mais em: https://www.anda.jor.br/2019/01/homem-paga-passagem-de-onibus-para-cachorro-e-chama-atencao-nas-redes/.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Clube dos Animais.