O homem agredindo um animal, que viralizou nas redes sociais, fez uma carta de retratação pelo ato cometido. A carta é datada de 23 de março de 2016, na cidade de Tupã (SP).

Segue a retratação na íntegra:

Eu, Shigueru Edamitsu, casado, pai de 4 filhos, 72 anos de idade, brasileiro, venho por meio desta pedir desculpas publicamente pelos ato que cometi a um animal. Fui tomado por uma descontrole emocional, sem explicação. Em toda minha vida nunca fui capaz de maltratar nem sequer matar animal de qualquer espécie.

Não sou favorável a atos de violência de nenhuma forma ou espécie. Agi por um impulso irracional de instantes e arrependo-me por toda minha vida. Em nenhum momento vou fugir das penalidades da lei. Devo pagar pelo ato que cometi.

Em 72 anos de vida nunca tive problemas com a Justiça. Meu nome é limpo e prezo pela honestidade e justiça. Não sei fazer outra coisa na vida a não ser trabalhar, coisa que faço desde meus 12 anos.

Apesar de não fugir da responsabilidade que sobre mim serão impostas judicialmente, tenho sofrido com ameaças e repúdios nas redes sociais. Tenho sido sentenciado por centenas de pessoas comovidos por meu lamentável ato. Mesmo assim, não me vejo no direito de refutar todas as acusações, até porque, não quero me esconder de forma alguma do meu erro.

Poucas pessoas saberão entender o estrago pessoal e profissional que este vídeo tem causado a mim e a minha família. Estou tentando fazer o possível para reparar o dano que cometi a um animal e a minha imagem.

Sou homem de fé, vou enfrentar e pagar tudo que a Justiça me impuser para ter meu nome limpo como sempre foi. Shigueru Edamitsu“.

Fonte: Paraguá City

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Clube dos Animais.