Uma petição online criada pela Frente Parlamentar em Defesa dos Animais, da Assembleia Legislativa de Minas Gerais, pretende recolher 50 mil assinaturas para pleitear, junto ao governo do Estado, a construção do primeiro hospital público destinado aos animais.

Segundo o líder da Frente, o deputado Fred Costa (PEN), assim que atingir a meta de adesões, a petição será remetida ao Executivo estadual para análise. Criada há um mês, já foram coletadas mais de 2.800 assinaturas. “É uma luta antiga dos movimentos sociais pró-animais. Somente o Estado pode fazer isso, então a petição é uma forma de mostrar o clamor da sociedade para que esse hospital se torne uma realidade”, disse o parlamentar.

Especialistas ouvidos pela reportagem aprovam a iniciativa e destacam que, se virar uma realidade, deve propiciar até uma melhora da qualidade da saúde humana. Conforme o presidente do Conselho Regional de Medicina Veterinária de Minas Gerais (CRMV-MG), Nivaldo da Silva, pelo menos 200 doenças podem ser transmitidas ao homem a partir da contaminação animal. “O controle da doença animal traz benefícios à saúde humana. Algumas dessas endemias são problemáticas, como a leishmaniose, em que o homem pode ser picado por um mosquito infectado a partir do contato com um animal doente. Isso interfere totalmente na política pública de saúde”, destacou Silva.

Para a diretora da ONG Cão Viver, uma das maiores de Minas na proteção animal, Denise Menin, o hospital poderia suprir a demanda de atendimento aos cães e gatos vadios que necessitam de assistência especializada. “Recebemos animais com inúmeros problemas. Se eles ficam jogados por aí, prejudicam a saúde humana. O hospital pode acolher e tratar esses animais e permitir que as ONGs invistam em outros projetos”.

Exemplo. Única cidade do Brasil a oferecer o serviço, São Paulo tem duas unidades do Hospital Público Veterinário. Desde 2012, o serviço é oferecido pela prefeitura e administrado pela Associação Nacional de Clínicos Veterinários de Pequenos Animais (Anclivepa). O poder público repassa à administração R$ 900 mil mensais para a manutenção dos serviços.

Para assinar: Os interessados devem acessar o site Avaaz.org e, no documento “Criação do Primeiro Hospital Público Veterinário de Minas Gerais”, informar nome, e-mail, país e código postal.

Fonte: O Tempo