Um plebiscito realizado em Petrópolis (RJ) no último domingo (07) decidiu pelo fim da exploração de cavalos em charretes no município. Foram 68,58% de votos contra os veículos de tração animal e 31,42% a favor.

(Foto: Fábio Seixo)

A votação fez com que defensores dos direitos animais se mobilizassem nas redes sociais e nas ruas de Petrópolis. Artistas também se manifestaram contra as charretes e a favor de carros elétricos que substituam a tração animal. As informações são da Agência Brasil.

O plebiscito foi convocado pela Câmara de Vereadores após ser aprovada uma proposta do vereador Reinaldo Meirelles, que sugeriu a votação como forma de decidir o impasse sobre a abolição ou não das charretes. Por determinação do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), as urnas do município foram preparadas para a realização do plebiscito.

Atualmente, 13 charretes estão cadastradas na Prefeitura de Petrópolis. Em escala de revezamento, 39 cavalos são explorados para puxar os veículos.

Segundo o presidente da Comissão de Proteção e Defesa dos Animais da Ordem dos Advogados do Brasil Regional Rio de Janeiro (OAB-RJ), Reynaldo Velloso, o próximo passo é avaliar como será feita a substituição das charretes.

“A gente vai ter que abrir o diálogo agora para substituição das charretes a tração animal por charretes elétricas. Nós temos que ver a questão de empregabilidade dos charreteiros, o turismo vai ser dinamizado”, disse Velloso, que considera um carro ou bonde elétrico como veículo alternativo à charrete.

Os cavalos, segundo Velloso, serão abrigados pela ONG Fórum Nacional de Proteção e Defesa Animal e receberão todos os cuidados necessários.

Confira, no vídeo abaixo, a avaliação de Velloso sobre o caso:

Leia mais em: https://www.anda.jor.br/2018/10/fim-da-exploracao-de-cavalos-em-charretes-em-petropolis-rj/.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Clube dos Animais.