Por David Arioch

A pena se volta não apenas para quem caçá-los, mas também para quem persegui-los, captura-los e utilizá-los ilegalmente | Pixabay

Apresentada ontem na Câmara dos Deputados, proposta de Juninho do Pneu (DEM-RJ) prevê ampliação de pena para crimes contra animais silvestres – que pode variar de dois a quatro anos de reclusão. A pena se volta não apenas para quem caçá-los, mas também para quem persegui-los, captura-los e utilizá-los ilegalmente.

O Projeto de Lei (PL) 3994/2019 destaca que, segundo estimativa da Organização das Nações Unidas (ONU), o Brasil aparece como responsável por 15% do tráfico mundial de animais silvestres.

“E o mais assustador é que este número corresponde a quase o mesmo índice de biodiversidade que o país tem, levando em conta que cerca de 15% de todos os seres vivos catalogados estão em terras brasileiras”, afirma Juninho do Pneu.

De acordo com o Ibama, 38 milhões de animais silvestres já foram retirados do seu ambiente natural, gerando lucro de U$S 2,5 bilhões aos que os venderam de modo ilícito.

“Na maioria das vezes as pessoas adquirem um desses animais para simplesmente se darem ao deleite de tê-lo em casa, ignorando as consequências negativas que isso pode ter para o animal e para o meio ambiente”, critica o deputado.

E acrescenta: “Há casos em que o sujeito realmente acredita estar fazendo um bem ao próprio animal ao criá-lo perto de si, achando que isso é uma demonstração de amor pelo mesmo. Algumas estatísticas apontam que noventa por cento dos animais traficados morrem antes de chegarem ao seu destino.”


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


 

Leia mais em: https://www.anda.jor.br/2019/07/projeto-de-lei-preve-ate-quatro-anos-de-prisao-para-crime-contra-animais-silvestres/#utm_source=rss&utm_medium=rss.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Clube dos Animais.