Dar bronca ou não nos cães é algo que deixa muitos tutores confusos. Às vezes o tutor não sabe quando ou como dar a bronca, ou até mesmo se pode dar bronca. Então muitos tutores ou exageram na bronca, ou acabam não fazendo nada.

E essas atitudes não são boas para a mudança de comportamento que você deseja no seu cão. Aqui você entende como e quando dar bronca no seu cão. Esse artigo vai te ajudar a agir da forma correta para resolver os problemas de comportamento que te incomodam.

castração ajuda a acalmar os cães

Dar ou não bronca?

Dar bronca pode sim ajudar a mudar comportamentos dos cães. Acontece que muitos donos não sabem como dar bronca. Chegar em casa após um dia de trabalho e dar uma bronca longa e ficar exaltado por seu cão ter mastigado algo ou feito xixi na sala não vai ajudar.

Os cães assimilam sua insatisfação à situação apenas quando ela acontece, se você der uma bronca muito tempo depois, ou falar demais, o cão jamais vai entender. A carinha fofa e o olhar de quem se arrepende na verdade é uma forma de te mostrar que ele não quer brigar.

Como dar bronca?

A forma correta de dar bronca é exatamente na hora que o cão faz algo indesejado. Se seu cachorro costuma mastigar as coisas, a bronca deve ser dada quando o cão pega algo que ele não pode mastigar.

dar bronca

O ideal na hora de dar bronca é sempre dizer “não” firme, mas sem gritar. E retirar do cão aquilo que ele não deve fazer. Se ele subiu no sofá e isso é proibido, apenas retire-o e ignore-o. Se ele pegou algo para mastigar que não pode, retire a coisa dele e ignore-o.

Depois de alguns minutos você pode voltar a falar com seu cão. Durante a bronca deve apenas dizer um “não” retirar a coisa dele e o ignorar completamente. Não falar, olhar ou tocar nele. Os cães gostam de atenção e gostam de deixar seus tutores felizes.

Aproveite para conferir nosso artigo e saiba se cães se fazem de inocentes para evitar broncas

As cadelas pegam seus filhotes pela carne na região do pescoço. Fazer a mesma coisa pode ativar a memória da infância do cão e fazê-lo assimilar melhor que ele fez algo indesejado. Se você quer tirá-lo de algum lugar pode puxá-lo por essa região. Se ele fez algo que não devia você pode pegar essa região e dar uma pequena chacoalhada enquanto diz “não”.

dar bronca

Com o tempo ele deve assimilar o que o não significa, e você poderá apenas usar a palavra. Fazer isso não machuca o cão se você fizer corretamente, não se deve usar a unha ou apertar o pescoço. É apenas o couro do pescoço que você deve pegar.

Quanto mais o cão associa a ação indesejada a sua insatisfação e ao fato de que ele não receberá sua atenção. Mais isso fará o cão reduzir esse comportamento. Vale lembrar que não é indicado isolar o cão. Se o cão passa a associar ficar sozinho a algo ruim, mais chances ele tem de desenvolver ansiedade de separação.

Aproveite para conferir nosso artigo sobre porque alguns cães pegam objetos dos donos e não destroem

Reforço positivo

Reforço positivo unido a dar bronca na hora e do jeito certo, é o ideal. Se você está ensinando seu cão a não pular quando você chega e ele se demonstrou tranquilo, é a hora de dar carinho. Está ensinando o cão a não subir no sofá e ele se deitou tranquilamente no tapete ou na caminha? É hora de dar petisco ou carinho.

Cão comendo petisco

Aproveite para conferir também nosso artigo sobre como educar seu cão para receber visitas

Seu cão está fazendo xixi no lugar certo? Ótimo, você não precisará dar bronca mais. É hora de dar carinho sempre que ele fizer xixi no lugar certo. Em muitos casos vale mais a pena dar apenas reforço positivo do que bronca.

Fique atento ao seu cão, entenda como ele funciona e o que melhor funciona com ele. Não é apenas fazer tudo que se pode imaginar. Cada cão é um cão, com uma personalidade diferente e um jeito diferente de agir.

Quando dar bronca não é suficiente

Em alguns casos como fazer xixi no lugar errado, broncas podem não ajudar. Isso porque a causa pode estar nos hormônios, e o cão e até mesmo algumas cadelas mais dominantes podem estar marcando território.

adestrando

Portanto dar bronca não vai resolver seu problema, pois ele não está fazendo aquilo por não entender que não pode. E sim porque os hormônios estão mandando. Nesse caso o primeiro passo é a castração, depois o adestramento.

Aproveite para conferir nosso artigo sobre porque algumas brincadeiras com cães não são indicadas

Como falamos, é preciso analisar e entender seu cão. Porque ele faz o que faz e o que funciona com ele. Em alguns casos se você dá broncas muito longas e no fim acaba desistindo de brigar e fazendo um carinho, o cão pode estar fazendo algo errado porque ganha atenção. E você está reforçando esse comportamento nele.

Adestramento x violência

adestrando

Dar umas “palmadas” no seu cão nunca vai ajudar. Isso é inconcebível e pode trazer muitos outros comportamentos negativos. Seu cão pode até deixar de confiar em você. Se não está conseguindo ensiná-lo algo, você pode pedir a ajuda de um adestrador.

Lembre-se que além de violência contra animais ser crime, você escolheu ter seu cão e jamais deve agredi-lo. Pois os desvios de comportamento dos cães tem início na criação errada dos donos. Mesmo que sem a intenção.


Fonte Oficial: http://webcachorros.com.br/saiba-como-dar-bronca/.