Foto: Ilustração | Pixabay

Uma jovem de 24 anos procurou a Polícia Civil para denunciar que uma mulher teria abandonado e atropelado uma cachorra, aparentemente de forma acidental, no Jardim Gaivota (região do Jardim Ouro Verde), em Bauru, na tarde da última sexta-feira. O animal, que acabou morrendo, teria sido colhido enquanto tentava seguia o carro da tutora, que, segundo boletim de ocorrência, também não parou para prestar socorro.

O episódio ocorreu por volta das 15h30. A denunciante contou à polícia que estava em sua casa, quando ouviu sua mãe gritar com a motorista de um Ford Fiesta preto, em vista que ela havia atropelado uma cachorra. O animal ficou agonizando em via pública, vindo a morrer minutos depois, informa o boletim de ocorrência.

Em seguida, a condutora do veículo teria parado para falar com um motociclista que passava pelo local. A jovem conta em registro policial que, posteriormente, em conversa com o condutor da moto, descobriu que a motorista do carro seria a tutora do animal.

A denunciante apurou, também, que a mulher teria abandonado a cachorra, que, inclusive, estaria seguindo o carro da tutora quando foi atropelada e morta.

Com base nessas informações, a jovem procurou a ONG Formiguinhas Valente, que recomendou que ela registrasse um BO.

A placa do veículo foi informada à Polícia Civil, que registrou o caso como “praticar ato de abuso a animais”.

Fonte: JC Net

Leia mais em: https://www.anda.jor.br/2018/10/tutora-e-denunciada-por-abandonar-e-atropelar-cachorra/.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Clube dos Animais.