Um cachorro que estava desaparecido há meses foi encontrado a mais de três mil quilômetros de casa. Os tutores de Jake, como é chamado o cão, foram localizados devido às informações do microchip de identificação contido no animal.

Cachorro viaja para reencontrar tutores (Foto: Reprodução / Facebook / A Darrah Bull Bully Rescue)

Os tutores do cachorro, entretanto, não tinham condições financeiras para arcar com o transporte de Jake e, por isso, acionaram uma ONG de proteção animal. O caso ocorreu nos Estados Unidos.

A presidente da instituição “A Darrah Bull Bully Rescue”, Renae Metz, com a ajuda da irmã, passou a procurar voluntários qualificados para levar o cachorro da Pensilvânia até o Arizona, onde os tutores dele moram. As informações são do site Portal do Dog.

Jake ao reencontrar tutor (Foto: Reprodução / Facebook / A Darrah Bull Bully Rescue)

Jake contou, então, com a ajuda de 20 voluntários, sendo que três dele foram responsáveis por abrigá-lo em casa, para que ele pudesse passar a noite e, no dia, seguinte, seguir viagem. O trajeto completo durou três dias e, após 30 paradas, o cachorro pôde reencontrar os tutores e voltar para casa.

Não se sabe qual foi a razão que fez com que o cão fosse parar tão longe da residência onde vivia.

Leia mais em: https://www.anda.jor.br/2018/05/voluntarios-ajudam-cao-viaja-tres-dias-para-reencontrar-tutores/.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Clube dos Animais.